Loading...

Criminologia Crítica e Fenomenologia da Existência

R$30,00

8% de desconto

pagamento com boleto bancário

Parcele em até 4X sem juros

parcela mínima R$ 30,00

Parcelamento
1x de R$30,00 sem jurosR$30,00
Loading...

Descrição

Joe Tennyson Velo
ISBN: 978.85.5544.094.6
Número de Páginas: 136
Peso: 0,200

Há a tendência humana de fazer imputações e reconhecer o mal como presente nos outros. A motivação é a própria preservação moral e o medo de fazer renúncia à sensação, às vezes falsa, de bem-estar. Suponha-se que a prisão permanece viva, porque baseada em tal solicitação. As políticas criminais dos últimos trinta anos têm demonstrado que, mesmo hoje, não se atingiu maturidade suficiente para administrar o sentimento de vingança que caracteriza as medidas punitivas. Neste tempo, a versão crítica da criminologia surgiu quando esse problema tornou-se quase insuportável, quando foi decidido, ao menos em teoria, renunciar à maneira insana de interiorizar os sentimentos de indiferença. Essa consideração releva a profunda contradição ainda ínsita nos pensamentos sobre a importância das políticas punitivas. As conclusões dessa reflexão indicam ser fundamental postura sistêmica, não exatamente como sonhada no passado, cujo método era científico, mas com olhar fenomenológico-existencial. Ela não priva o intérprete do problema criminológico de julgar a liberdade como condição para a experiência cotidiana do homem. Neste contexto, inclusão social é adaptação e pressupõe aperfeiçoar a consciência, a fim de a pessoa saber sobre sua situação de vulnerável, capacitar-se a reavaliar sua condição existencial e alcançar o significado de sua situação, para traçar rumos menos arriscados.

SUMÁRIO

 

Apresentação……………………………………………………………………………………5

PRIMEIRA PARTE:

1 A Criminologia como práxis existencial………………………………………15

2 A criminologia causalista da modernidade………………………………….18

3 Primeira conclusão……………………………………………………………………..33

4 A criminologia foca o poder punitivo………………………………………….36

5 A crise do Estado de bem-estar como novo campo de análise

criminológica………………………………………………………………………………46

6 A etnometodologia……………………………………………………………………..62

SEGUNDA PARTE:

1 Interacionismo real……………………………………………………………………..65

2 Antropologia da exclusão…………………………………………………………….72

3 A proposta da fenomenologia existencial para a criminologia

crítica………………………………………………………………………………………….88

Apêndice: O caso italiano……………………………………………………………….96

Notas……………………………………………………………………………………………108

Conclusões…………………………………………………………………………………..128

Referências…………………………………………………………………………………..131

Joe Tennyson Velo
é doutor em Direito pela Universidade Federal do Paraná, Especialista em Criminologia Crítica pela Universidade de Padova-Itália, advogado criminal.

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Criminologia Crítica e Fenomenologia da Existência”

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Produtos Relacionados