Loading...

Direito & Novas Mídias

R$35,00

Loading...

Descrição

Rafael Santos de Oliveira (org) e Rosane Leal da Silva (org)
ISBN: 978-85-55440-00-7
Número de Páginas: 193
Peso: 0,300

O uso de novas tecnologias informacionais e sua interface com o Direito é algo cada vez mais evidente no dia a dia. As relações jurídicas e sociais vêm sofrendo transformações pelo avanço do uso dessas novas tecnologias, em especial, a Internet. Visando compreender os fenômenos que a sociedade em rede nos apresenta, é que o Programa de Pós-graduação em Direito (PPGD), da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM/RS), desenvolve pesquisas desde o ano de 2013. Este livro reúne trabalhos de pesquisadores envolvidos com essa temática e que participaram do 2º Congresso Internacional de Direito e Contemporaneidade: mídias e direitos da sociedade em rede, realizado pelo PPGD/UFSM. O evento contou com a presença de palestrantes estrangeiros e de diversas partes do país. Além das palestras, foram apresentados trabalhos selecionados por uma comissão científica e distribuídos em seis grupos temáticos. A presente obra apresenta os artigos elaborados pelos coordenadores de cada grupo, bem como o melhor artigo apresentado em cada um dos GTs.

Rafael Santos de Oliveira

Rosane Leal da Silva

Organizadores

1….. O PROCESSO ELETRÔNICO NA PERSPECTIVA DOS DIREITOS FUNDAMENTAIS NA SOCIEDADE EM REDE ………………………………………………………………………………………………………………………………21

Cristiano Becker Isaia • Alexsandra Gato Rodrigues • Danielli Gadenz

1.1. Introdução………………………………………………………………………………………………………………………….21

1.2. A complexidade da sociedade em rede e os direitos fundamentais………………………………………………………………………………………………………………………23

1.3. O processo eletrônico frente a um processo civil calcado na herança do racionalismo do estado liberal……………..26

1.4. Conclusão…………………………………………………………………………………………………………………….33

1.5. Referências…………………………………………………………………………………………………………………..34

2….. O PROCESSO CIVIL CONTEMPORÂNEO FACE À RACIONALIDADE MERCADOLÓGICO- EOLIBERAL………………….37

Fernando Hoffmam

2.1. Introdução…………………………………………………………………………………………………………………….37

2.2. A expansão neoliberal e a desautonomização do direito (processual)……………………………………………………38

2.3. Do processualismo neoliberal (hipermoderno) ao processualismo hermeneuticamente antimoderno………………….43

2.4. Conclusão…………………………………………………………………………………………………………………….48

2.5. Referências…………………………………………………………………………………………………………………..49

3….. TELEDEMOCRACIA E CIBERCIDADANIA:  A INICIATIVA POPULAR NO BRASIL E AS TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO………………………………………………………………………………………………………………….51

Valéria Ribas do Nascimento • Saul de Oliveira Sichonany Neto

3.1. Introdução…………………………………………………………………………………………………………………….51

3.2. A teledemocracia proposta por Pérez Luño…………………………………………………………………………………52

3.3. Cibercidadania e o Projeto de Lei 4.805/2009……………………………………………………………………………..59

3.4. Conclusão…………………………………………………………………………………………………………………….64

3.5. Referências…………………………………………………………………………………………………………………..65

4….. DIREITOS FUNDAMENTAIS DE TERCEIRA GERAÇÃO: O DIREITO DE ACESSO À INTERNET COMO DIREITO FUNDAMENTAL…………………………………………………………………………………………………………………….67

Francieli Puntel Raminelli • Letícia Bodanese Rodegheri • Rafael Santos de Oliveira

4.1. Introdução…………………………………………………………………………………………………………………….67

4.2. As gerações de direitos humanos fundamentais sob a perspectiva de Pérez-Luño……………………………………..68

4.3. Direito à inclusão digital como direito fundamental e a PEC n.º 479/2010: direito de acesso à internet em alta velocidade………………………………………………………………………………………………………………………….74

4.4. Conclusão…………………………………………………………………………………………………………………….78

4.5. Referências…………………………………………………………………………………………………………………..79

5….. Opinião pública, política e hegemonia: para além do populismo penal………………………………………………..81

Marília de Nardin Budó

5.1. Introdução……………………………………………………………………………………………………………………81

5.2. A representação seletiva do ato infracional na mídia……………………………………………………………………..81

5.3. As pesquisas de opinião pública sobre a redução da maioridade penal………………………………………………….85

5.4. A oferta mais barata do mercado…………………………………………………………………………………………..90

5.5. O necessário discurso contra-hegemônico sobre o ato infracional………………………………………………………..94

5.6. Conclusão…………………………………………………………………………………………………………………….98

5.7. Referências…………………………………………………………………………………………………………………..98

6….. VIGILÂNCIA E DISCIPLINA EM VEJA: O DISCURSO SOBRE CRIMINALIDADE NO JORNALISMO DE REVISTA……..101

Dairan Mathias Paul •  Mariana Nogueira Henriques • Ada Cristina Machado Silveira

6.1. Introdução…………………………………………………………………………………………………………………..101

6.2. Veja e o jornalismo de revista…………………………………………………………………………………………….102

6.3. Crime, violência e desvio …………………………………………………………………………………………………105

6.4. Análise das reportagens……………………………………………………………………………………………………107

6.5. Conclusão……………………………………………………………………………………………………………………112

6.6. Referências………………………………………………………………………………………………………………….113

7….. A reconfiguração da esfera pública e os desafios do debate político na blogosfera………………………………….115

Rafael Santos de Oliveira • Noemi de Freitas Santos

7.1. Introdução…………………………………………………………………………………………………………………..115

7.2. A reconstrução da esfera pública e o ativismo digital mediado pelos blogs sob a ótica das recentes manifestações brasileiras…………………………………………………………………………………………………………………………116

7.3. Novos desafios do debate político na blogosfera: judicialização e censura na rede……………………………………122

7.3.1. A autocensura na blogosfera…………………………………………………………………………………………….123

7.3.2. A remoção de conteúdo em blogs e ordens judiciais contra blogs e blogueiros……………………………………..123

7.3.3. Ataques criminosos contra blogueiros e jornalistas independentes……………………………………………………125

7.4. Conclusão……………………………………………………………………………………………………………………126

7.5. Referências………………………………………………………………………………………………………………….127

8….. PINKY E O CÉREBRO: A DOMINAÇÃO DAS NOVAS MÍDIAS NA REFLEXÃO SOBRE CIDADANIA ……………………129

Iásin Schäffer Stahlhöfer • Liége Alendes de Souza

8.1. Introdução…………………………………………………………………………………………………………………..129

8.2. A dominação da globalização econômica sobre os demais aspectos sociais……………………………………………130

8.3. A dominação das novas mídias sobre as mídias tradicionais……………………………………………………………133

8.4. O empoderamento da cidadania por meio das novas mídias no contexto da globalização……………………………136

8.5. Conclusão …………………………………………………………………………………………………………………..139

8.6. Referências………………………………………………………………………………………………………………….140

9….. Ecologia Política, Redes Colaborativas e Justiça Ambiental no Brasil…………………………………………………141

Jerônimo Siqueira Tybusch • Francielle Benini Agne Tybusch

9.1. Introdução…………………………………………………………………………………………………………………..141

9.2. Observações da problemática ambiental a partir da ecologia política, ecologia de saberes e justiça ambiental…….142

9.3. Redes colaborativas em justiça ambiental no Brasil……………………………………………………………………..144

9.4. Conclusão……………………………………………………………………………………………………………………149

9.5. Referências…………………………………………………………………………………………………………………150

10… ESPAÇOS TERRITORIAIS ESPECIALMENTE PROTEGIDOS: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL E O CASO GEOPARK NO CEARÁ………………………………………………………………………………………………………………………..153

João Adolfo Ribeiro Bandeira • Raisa Lustosa de Oliveira • José Patrício Pereira Melo

10.1Introdução……………………………………………………………………………………………………………………153

10.2A necessidade de proteção: da preservação à promoção ambiental…………………………………………………….154

10.3 Geopark Araripe e as áreas de preservação ambiental………………………………………………………………….156

10.3.1. Espaços territoriais protegido…………………………………………………………………………………………..157

10.3.1.1. Unidades de conservação na Bacia Sedimentar do Araripe………………………………………………………..158

10.3.1.2. Áreas de proteção ambiental – APA do Araripe…………………………………………………………………….158

10.3.1.3. Floresta Nacional – FLONA Araripe………………………………………………………………………………….158

10.3.1.4. Áreas de preservação permanente do Araripe ……………………………………………………………………..159

10.4 O direito ao meio ambiente como direito fundamental ………………………………………………………………..159

10.4.1. Meio ambiente e Direito Ambiental – a busca pela sustentabilidade ……………………………………………….161

10.5 Conclusão…………………………………………………………………………………………………………………..162

10.6 Referências…………………………………………………………………………………………………………………163

RAFAEL SANTOS DE OLIVEIRA

Doutor em Direito pela Universidade Federal de Santa Catarina. Mestre em Integração Latino-Americana pela Universidade Federal de Santa Maria e Graduado em Direito pela Universidade Federal de Santa Maria. Professor Adjunto III no Departamento de Direito da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) e no Programa de Pós-graduação em Direito da UFSM (Mestrado). É líder, juntamente com a professora Dra. Rosane Leal da Silva, do Grupo de Pesquisa Núcleo de Direito Informacional, inscrito no CNPq, com atuação na Linha de Pesquisa Ativismo digital e cidadania global desenvolvido junto a Universidade Federal de Santa Maria. Coordenador do Curso de Direito Diurno da UFSM. Editor da Revista Eletrônica do Curso de Direito da UFSM.

ROSANE LEAL DA SILVA

Graduada em Direito pela Universidade da Região da Campanha. Mestre em Integração Latino – Americana pela Universidade Federal de Santa Maria. Doutora em Direito pela Universidade Federal de Santa Catarina, na área de concentração Direito, Estado e Sociedade, com pesquisa sobre criança e adolescente na sociedade informacional. Professora adjunta da Universidade Federal de Santa Maria, nos cursos de Graduação e Mestrado em Direito. Atua desde 2000 no Curso de Direito do Centro Universitário Franciscano. Coordena o Núcleo de Direito Informacional, na Universidade Federal de Santa Maria e o Núcleo de Proteção da Criança e do Adolescente Internauta (UNIFRA).

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Direito & Novas Mídias”

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Produtos Relacionados