Loading...

Túneis, Tatus e Ora Bolas! – Crônicas

R$33,00

8% de desconto

pagamento com boleto bancário

Parcele em até 4X sem juros

parcela mínima R$ 30,00

Parcelamento
1x de R$33,00 sem jurosR$33,00
Loading...

Descrição

Hamilton Bonat
ISBN: 978-85-61868-54-3
Número de Páginas: 183
Peso: 0,155

Se a justificativa para não construir um túnel entre Santos e Guarujá for falta de dinheiro, que me perdoe o Fuleco da Copa, mas só mesmo parodiando o eterno Adoniran Barbosa: “Nóis num semo tatu!”.
(Túneis, tatus e ora bolas!)

A propalada capital ecológica deixou de existir. Está mais para Nova York do que para terra dos pinheirais. Pensando bem, talvez Batel Soho não esteja tão errado assim.
(Lamúrios de uma pracinha)

Não foi difícil para figuras místicas de monges, que perambulavam pelos dois estados com o dom de curar multidões sofredoras, atraí-las com seu messianismo.
(Contestado, centenário de uma guerra cabocla)

Aurélia, que havia ensinado português a vida inteira, virava uma fera: “Dentisto não existe. Da mesma forma que presidente, serve para os dois gêneros: o dentista, a dentista. Qualquer criança sabe disso!”.
(A dentista e a sogra)

Com os chineses de Deng, poderíamos buscar ensinamentos para deixarmos de ser meros exportadores de commodities. Porém, continuamos impregnados pela mania de Mao de jogar uns contra os outros.
(Precisamos de um Deng, mas terminamos com Mao)

Túneis, Tatus e Ora Bolas!, 17
Lamúrios de uma Pracinha, 21
Curitiba, sem Carnaval e sem Natal, 25
Formatura do Faz de Conta, 29
Contestado, Centenário de uma Guerra Cabocla, 33
A Gralha Azul e o Elefante Branco, 39
Gratidão à Academia de Cultura de Curitiba, 43
Pagou Robalo e Comeu Sardinha, 47
Os Votos de Dona Erda, 51
A Dentista e a Sogra, 55
Jovens Alpinistas, 59
Bombas, Bombinhas e Bombinenses, 63
Eleições: Vivas ao Cavalete!, 67
FIFA, Ponha-se na Rua!, 71
Livros e Prefeitos, 75
AMAN, Nous Sommes Contents de Vous!, 81
Marmitas de Gelo, 85
Mário Vanin e o Dispositivo, 91
Brasília, um Exemplo Para o País, 95
A Cólera das Legiões Baianas, 99
O Trem-Bala não Saiu da Gare, por Enquanto, 103
Poluidores: Agora Somos Sete Bilhões, 107
Rio + 20: as Razões do Índio, 111
A Noite Calada dos Pichadores, 115
De Bárbara para Maria, 119
A Mãe de Todas as Engenharias, 123
31 de Março: SS Vem Aí, 127
Por uma Vida Sem Futuro, 131
Verdade: uma Palavra Perigosa!, 135
Mensalão, o Supremo do Supremo, 139
Santos: Seus Fortes, Suas Fortalezas e Suas Cartolas, 143
Paraguaio, um Povo Duplamente Traído, 147
Feliz Ano Novo Chinês, 151
Naufrágio do Costa Concórdia: Encontrem a Mulher!, 155
Precisamos de um Deng, mas Teimamos com Mao, 159
Uma Homenagem de Curitiba, 165
As Crianças da Minha Vida, 179

O curitibano Hamilton Bonat formou-se na Academia Militar das Agulhas Negras, em dezembro de 1971. Da Arma de Artilharia, especializou-se em defesa antiaérea.
Passou para a reserva em 2005, no posto de General-de-Brigada, após cumprir sua derradeira missão: Adido Militar nos Estados Unidos da América e no Canadá.
Possui os títulos de doutor em Ciências Militares, Cidadão Honorário do Guarujá e Vulto Emérito de Curitiba.
Foi agraciado com as Ordens do Mérito Militar, Aeronáutico, das Forças Armadas e do Ministério Público Militar, e com a Medalha do Monumento Nacional ao Imigrante, de Caxias do Sul.
Desde que se retirou do serviço ativo, tem-se dedicado a escrever crônicas, publicadas em alguns jornais e em seu site (http://www.bonat.com.br).
Em 2009, lançou “Sessenta Crônicas”, e, em 2011, “Mãe de Candidato e outras crônicas”, ambos pela Editora Íthala.
É membro da Academia de Cultura de Curitiba.

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Túneis, Tatus e Ora Bolas! – Crônicas”

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Produtos Relacionados